Procure aqui a sua receita

Pesquisar

Formulário de pesquisa

Partilhe a sua receita! Saiba como aqui

Receba a Newsletter!

Votação

Tem Bimby?

Top chefs

292 Pontos
227 Pontos
85 Pontos
53 Pontos

Pergunte aos Chefs!

Tem alguma dúvida e gostaria de saber a resposta de um Chef d’ “As minhas receitas”, deixe aqui a sua pergunta!

Está aqui

 

Trancinhas em calda

Fica desde já o aviso: se procura algo saudável, passe à próxima receita! Estas trancinhas são um doce pecado, que certamente deixará muitos dietistas em fúria. Mas deixe-se tentar... as trancinhas falam por si.
Enviado por: rui

Quantidade:

Tempo de preparação:

5 minutos

Ingredientes

4 1⁄4 chávenas
açúcar
2 1⁄2 chávenas
água
1⁄4 colher de chá
creme de tártaro
2 fatias
raiz de gengibre
2 unidades
paus de canela
1⁄2 unidade
limão (sumo e raspas)
2 chávenas
farinha
100 mililitros
leite
1 colher de sopa
fermento
1 unidade
ovo
1 colher de chá
sal
Categoria: 
Alimento principal: 
Preparação: Calda de açúcar: Aqueça 2 chávenas de água, e junte-lhe 4 chávenas de açúcar (deixe sobrar uma pequena porção), mexendo abundantemente até o açúcar estar todo dissolvido. Deixe ferver, e nessa altura junte o creme de tártaro, os dois pedaços de raiz de gengibre (previamente descascados e moídos), os paus de canela e o sumo e raspas de meio limão. Estes últimos ingredientes são opcionais e as quantidades são de referência, podendo (e devendo) adaptar ao seu gosto pessoal. Deixe ferver durante um minuto, e depois retire do lume. Deixe repousar no frigorífico de um dia para o outro, sem retirar a canela nem o limão. Trancinhas: Misture bem a farinha e o fermento, a meia colher de sal e o açúcar restante. Em seguida adicione a manteiga. À parte, misture o leite, a meia chávena restante de água e o ovo, e quando estiver um líquido homogéneo, junte à mistura seca. Em caso de necessidade, adicione água ou farinha até atingir a consistência ideal - que neste caso é bastante dura. Amasse bem, envolva num pano e deixe repousar de um dia para o outro. No dia seguinte, terá que moldar a massa em tranças, e esta poderá ser a tarefa mais difícil. Não use farinha para a tornar mais maleável, será preferível usar pequenas quantidades de óleo de fritar. Corte (com faca) estreitas e longas tiras da massa, todas do mesmo comprimento, e molde as tranças. O comprimento de cada trança fica ao seu critério, mas tenha em atenção que estas terão que caber totalmente no recipiente da calda. Em seguida, aqueça o óleo para fritas as tranças - poderá usar uma fritadeira. Retire-as do lume quando estiverem com um tom castanho dourado, e (depois de escoar) mergulhe-as rapidamente na calda de açúcar. Repita o processo até estarem todas as tranças em calda, e retire-as quando já tiverem absorvido a quantidade máxima. Sirva as trancinhas bem frias, em travessas que permitam escoar o excesso de calda.
Notas: Quanto mais fria está a calda, maior será a absorção da trança. Como tal, experimente dividir a calda em dois recipientes de igual tamanho, e enquanto usa um deles para mergulhar as tranças saídas do óleo quente, deixe o outro no congelador. Ao mergulhar as tranças quentes na calda, esta vai aquecer, e com isso diminui progressivamente a absorção. Por isso quando reparar que a calda já não está tão fria como deveria, troque para o recipiente no frigorífico, e assim sucessivamente.
Classifique a receita: 
Retrato de Anónimo
Enviado por Alessandro em
Qual a quantidade de manteiga? Não está nos ingredientes... Obrigado.